Você está feliz com as suas escolhas financeiras?

Você está feliz com as suas escolhas financeiras?

Antes de começar este artigo, quero fazer uma pergunta sincera: suas escolhas financeiras são baseadas no que você quer ou você está apenas deixando a vida te levar?

Continua após a publicidade...

Não é incomum ouvir coisas assim de um cliente em uma consulta: “Nossa, Sabrina, que pena essa conta do cartão! Não quero gastar todo meu dinheiro em comida ou compras.”

Sempre que ouço essas frases, fico pensando na motivação para eles comentarem.

Continua após a publicidade...

É medo do julgamento que eu possa fazer? Ou deseja mudar, mas tem problemas para executar porque as emoções acabam se manifestando em momentos diferentes?

Um fato: a vida que vivemos hoje é uma loucura! O tempo voa tão rápido que parar para planejar pode não parecer a melhor opção.

Continua após a publicidade...

O equilíbrio entre o que as outras pessoas fazem e o que você quer fazer
Você já parou para pensar em todo o tempo que passou se cobrando porque não tinha um celular legal?

Por que não participar da viagem anual do seu amigo?

Por que não usar as roupas que você acabou de postar?

Admito que houve momentos em que me senti um alienígena porque não me importava, porque todos os meus amigos se importavam.
Antes era fácil saber quais eram minhas prioridades e fazer minhas escolhas financeiras sem me importar com a opinião dos outros. Mas tem sido muito desafiador aqui ultimamente.

Com tantas opções e possibilidades, quando parei para pensar na minha relação com o dinheiro na época, descobri que não era nada saudável!

Eu só quero manter a maior parte do que recebo, é minha única prioridade. Por outro lado, muitas vezes deixo de fazer coisas que até quero fazer.

Não estou aqui para culpar a sociedade, mas para assumir e lembrar que a responsabilidade é sempre minha, sua, nossa!

Esteja ciente de suas escolhas financeiras
Sair do modo automático é importante para entender por que você está fazendo isso. Um exemplo é quando não estou feliz com minhas escolhas financeiras, ou quando estou comprando algo que não é realmente uma prioridade (sim, isso acontece no mundo dos planners também, rs), eu sempre paro. faça-me feliz.

Isso me ajudou muito! – Volte aos trilhos e gaste meu dinheiro com o que eu realmente quero.

Se você não viu para onde seu dinheiro está indo, por que não parar (mesmo que apenas por alguns minutos) para vê-lo?

Sério, tente fazer este exercício para entender sua situação e criar novos movimentos para mudar as coisas que estão incomodando você.

Se você sente que está gastando muito dinheiro em coisas “em vão” – aqui está uma ótima citação, porque é importante lembrar que se é sua prioridade, não é em vão! Você só precisa estar ciente disso – por que não definir para onde você quer que seu dinheiro vá e o que vai fazer você se sentir mais satisfeito?

Você conhece a história “Ah, eu preciso economizar porque alguém me disse que é importante”?

O que você acha que mudou para: Quero economizar porque quero fazer essa viagem, quero ter uma aposentadoria tranquila ou quero comprar meu próprio imóvel.

Porque no fundo, o que você realmente quer é dinheiro para realizar seus sonhos, e isso deve ser o mais importante do seu orçamento.

Fontes: papodevalor.com.br

Bussola ADM

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *